• 21 de June de 2024

Estação Ecológica Rio da Casca

As Unidades de Conservação são de extrema importância para a preservação da biodiversidade e dos recursos naturais, garantindo que as gerações futuras possam desfrutar desses recursos. Além disso, as Unidades de …

Igreja de Santana em Chapada dos Guimarães – (MT)

Igreja de Santana em Chapada dos Guimarães – (MT) : Foto de 1929. A Paróquia foi fundada a 11 de agosto de l811 por Dom João VI. O primeiro nome era Santa …

Governo de MT consegue autorização do ICMBio para fazer investimentos no Parque Nacional de Chapada

Termo de cooperação permite melhorias no local para alavancar o Turismo Lucas Rodrigues | Secom-MT O Governo de Mato Grosso obteve autorização para fazer investimentos estruturais no Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, …

“Serenatas da Alegria”: Chapada recebe ação cultural com dança, teatro e circo

Serenatas da Alegria Grupo Elementares do Quilombo Foto Perseu Azul 02O município de Chapada dos Guimarães receberá a partir da próxima sexta-feira (23) o projeto “Serenatas da Alegria”, um dos vencedores na categoria Artes Cênicas do Edital Prêmio Municipal de Cultura 002/2020 de Chapada dos Guimarães, com os recursos da Lei Aldir Blanc. O evento conta com apoio da Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Turismo, Cultura e Meio Ambiente.

O projeto “Serenatas da Alegria” será realizado de 23 de julho à 11 de agosto  e propõe 24 apresentações de Dança, 20 apresentações de Teatro e 40 apresentações de Circo.  Na zona urbana serão realizadas 60 apresentações e na zona rural 24 apresentações.

O público escolhido para receber as Serenatas foram os alunos da Apae e os Idosos das comunidades de Lagoinha de Baixo e Rio da Casca.

O projeto “Serenatas da Alegria” nasce da vontade do ator e produtor, Luciano Bortoluzzi, de proporcionar ao público de Chapada dos Guimarães, um retorno às apresentações artísticas envolvendo circo, teatro e dança da maneira mais segura possível.

Durante a pandemia, a melhor forma de prevenção é manter-se em casa. Como realizar espetáculos presencias com as pessoas seguras em casa? Levando os espetáculos até a casa das pessoas, respeitando protocolos de segurança e o distanciamento entre artistas e público.

A melhor imagem para ilustrar esse projeto, são as antigas Serenatas. Os artistas farão suas apresentações ao ar livre, nos portões das casas. O público assiste as apresentações no seu quintal, sentado nas suas próprias cadeiras, ou na soleira da porta.

Um “Mini Festival”, unindo dança, teatro e circo, representando a dança, Grupo Folclórico de Siriri Patucha e Grupo Elementares do Quilombo. Representando o teatro, Wanderson de Paula, e representando o circo, Trio Pirathiny.

(Com informações da assessoria)

Author

mascarenhas.dj@gmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *